• Glider

    Lançamentos: 12

    Mergulhos: 7553

  • Perfilador

    Lançamentos: 36

    Mergulhos: 94497

  • Derivador

    Lançamentos: 91

    Transmissões: 1197636

Os oceanos desempenham um papel fundamental no clima global, representam a maior parte do espaço habitável do planeta e deles são extraídos recursos vivos e minerais de grande valor econômico. Entretanto, a observação contínua destes ambientes é uma tarefa complexa e cara, mantendo abertas diversas lacunas no conhecimento dos mesmos.

Os recentes avanços nas tecnologias de observação e métodos computacionais vêm transformando este cenário e diversos países já contam com sistemas de observação oceânica permanentes com o objetivo de gerar longas e contínuas séries temporais de dados oceanográficos, além de fornecer informações em tempo real para sistemas de previsão e tomada de decisão.

O Projeto Azul é uma cooperação entre a SHELL Brasil, o Laboratório de Métodos Computacionais em Engenharia (LAMCE) da COPPE/UFRJ e a PROOCEANO, uma empresa brasileira de tecnologia oceanográfica, para o desenvolvimento de um sistema de observação e previsão oceânica para a Bacia de Santos. Sendo esta a região que concentra as principais descobertas no pré-sal, o entendimento da dinâmica oceânica é essencial para o dimensionamento de estruturas, o planejamento de atividades e para a segurança das operações offshore.

Em sua primeira etapa, iniciada em 2013, o Projeto Azul foi pioneiro na operação de gliders oceânicos em águas brasileiras. Além disso, um sistema de assimilação dos dados coletados pelos gliders e diversas outras fontes foi implementado com sucesso em um modelo de previsão numérica para a região.

Nesta nova etapa, com duração prevista de 4 anos, o Projeto Azul testará métodos de observação e modelagem em alta resolução espacial com foco no campo de Libra, na porção nordeste da Bacia de Santos. Além da continuidade de coletas com gliders, a observação contará com um veículo autônomo de superfície para medir as alturas e direção das ondas. Comparações serão realizadas com os métodos tradicionais de medição desses parâmetros (ondógrafo e ADCP). A corrente obtida através de medições com gliders será comparada e correlacionada com as leituras de correntômetros do tipo ADCP.Estes dados serão assimilados em grades de alta resolução para o campo de interesse e implementadas em regime operacional.

Aqui nesta página serão apresentados mapas e gráficos interativos dos dados coletados e dos resultados dos modelos, bem como os trabalhos e publicações desenvolvidos. Sejam bem vindos e voltem sempre para acompanhar as notícias e novidades do Projeto Azul.

View.Pages.presentation.figure.modeling
View.Pages.presentation.figure.glider
View.Pages.presentation.figure.modeling